ELEIÇÃO PARA NOVOS CONSELHEIROS TUTELARES SERÁ NO DIA 6 DE OUTUBRO PDF Imprimir E-mail

Em São Carlos, são 38 candidatos

 

A partir de 10 janeiro de 2020, os Conselhos Tutelares terão novos membros que serão escolhidos na eleição marcada para o dia 6 de outubro, das 8h às 17h. Em São Carlos, 38 candidatos disputam 10 vagas, 5 para cada Conselho Tutelar.

 

O voto é facultativo. E a ampla participação da população na escolha dos conselheiros é fundamental. “Os candidatos já passaram por uma série de provas, inclusive teste psicológico. A participação da população na escolha desses membros é importante na medida em que essas pessoas serão os agentes da sociedade que irão defender os direitos das crianças e dos adolescentes no município. Direitos esses assegurados pela Constituição Federal, ECA e demais leis infraconstitucionais”, informou Paulo Wilhelm de Carvalho, secretário de Infância e Juventude.

 

Para participar do processo eleitoral de escolha dos membros do Conselho Tutelar, tem que ser maior de 16 anos, com título de eleitor e domicílio eleitoral no município de São Carlos, e que estejam em dia com as obrigações eleitorais.

 

O eleitor deverá comparecer ao local de votação com documento de identificação com foto e o título de eleitor. Na cidade serão 12 postos de votação (confira a lista abaixo).

 

Todas as informações sobre o processo eleitoral e os candidatos podem ser consultadas no portal da Prefeitura http://www.saocarlos.sp.gov.br/index.php/cidadania-social/115288-conselho-tutelar-de-sao-carlos.html.

 

Conselho Tutelar -O Conselho Tutelar é encarregado de zelar pela garantia e defesa dos direitos da criança e do adolescente por parte da família, da comunidade em geral e, acima de tudo, do Poder Público, fiscalizando a atuação dos órgãos públicos e entidades governamentais e não governamentais de atendimento a crianças, adolescentes e famílias.

 

Os Conselhos têm competência para aplicar medidas de proteção à criança e ao adolescente sempre que seus direitos forem ameaçados ou violados pelo Estado, sociedade, pais ou responsáveis. Trabalham, por exemplo, para retirar meninos e meninas de situações de negligência, exploração sexual e violência física e psicológica.

 

Também são responsáveis pela fiscalização e aplicação das políticas públicas direcionadas à população infantojuvenil, tendo um papel estratégico na proteção jurídico-social dos direitos da criança e do adolescente.

 

Confira os locais de votação:

Região Central – CEMEI Cônego Manoel Tobias;

Região Santa Felícia – EMEB Angelina Dagnone de Melo;

Região Jockey Club – EMEB Profª Dalila Galli;

Região São Carlos VIII – CEMEI Profª Marli de Fátima Alves;

Região Jardim Tangará – EMEB Prof. Antonio Stella Moruzzi;

Região Redenção – EMEB Carmine Botta;

Região Zavaglia – Nave Sal da Terra;

Região Cidade Aracy II – EMEB Arthur Natalino Deriggi;

Região Cidade Aracy I – EMEB Prof. Afonso Fioca Vitali;

Região Água Vermelha – CEMEI Santo Piccin;

Região Santa Eudóxia – CEMEI José de Brito Castro;

Região do Monte Carlo - Centro da Juventude Elaine Viviani.

 
 

Menu Notícias